Novidades Ecológicas

Cardápio de 3 dias da minha filha Olivia

Cardápio da minha filha Olivia


Tenho duas filhas, uma mora comigo no Brasil (Valentina) e a outra mora na Espanha (Olivia). Infelizmente não posso conviver com as duas mas tento muito estar presente o máximo possível e claro que tento influenciar as escolhas alimentares até onde posso. Mas Olivia tem a sorte de ter uma mãe com muita consciência alimentar e muita metodologia em saber negar, evitar, controlar e conduzir Olivia a uma dieta o mais vegana possível mas claro que, como não tem ninguém do seu convívio famíliar que é vegano fica muito difícil.

Olívia até os 3 anos de idade aceitava o que era direcionado, hoje com quase 6 ela faz suas próprias escolhas pois ela tem convivido muito com seus avós maternos que comem de tudo, claro que uma dieta mediterrânea na mais perfeita definição, então dos males o menos pior.

Este é um cardápio de Olivia quando tinha quase 3 anos.

Olívia foi vegana até os 2 anos de idade depois a mãe que não é vegetariana introduziu peixe e ovos. Aos 4 anos de idade como Olivia passa muito tempo com os avós que comem de tudo, Olivia passou a comer de tudo claro que sua mãe sempre tentando evitar excessos e sempre focando o máximo possível de sua ingestão calórica em vegetais, frutas e legumes.

Dia 1

Café da manhã

– 400g Melancia
-35g   goji berries (secas!!) São como uva passas mas são vermelhas.
-3       biscoitos de aveia

Almoço

-10  Azeitonas pretas
-100g de arroz
-200g  Abóbora
-2 folhas de Acelga

Lanche da tarde

Suco Verde

2 laranja

1 banana

8 morangos

1 folha acelga

Lanche da noite

Leite Vivo

200ml água

30 gr sementes de maconha

1 colher de mel

8 nozes pecanas

 

Dia 2

Café da manhã

300 gr de uva, 1 maça

60 gr de Pão Germinado

1 banana

Almoço

200 gr de brocoli ao vapor
50 gr de lentilha cozida com 1 limao

2 folhas de espinafre

1 colher de chá de azeite oliva

Lanche da tarde

-1 manga

Lanche da noite

Leite Vivo

200ml água

40 gr de amêndoa germinada

1 colher de mel

8 nozes california

 

 

Dia 3

Café da manhã

2 fatias de abacaxi

1 pera

3 mandarina

1 romã

Biscoitos de Arroz

Almoço

-50 gr de peixe branco
-50 gr de Couve-flor ao vapor

Lanche da tarde

Vitamina Verde

2 laranjas

2 Carambolas

8 morangos

1 folha acelga.

Lanche da tarde

Leite Vivo:

200ml água

30 gr semente de maconha

1 colher mel

8 nozes pecanas

​Read More
Publicidade

O melhor livro de criança do ano….

 Deusa e Semente Viva

Menina e Boneca de sementes germinadas

Autora: Luciene Prado
Deusa é menina de olhos cristalinos, criadora de sua vida e
semeadora de si mesma. Ela é encantada por sementes! Amanhece, atendendo ao
chamado das sementes a germinar, alimento vivo que desperta sua comunhão
planetária. Ao comer um fruto com sementes, seus olhos crescem, irradiam,
um sol nasce em seu coração.Ela necessita coletar todas as sementes. Deusa
oferta sementes a quem encontra, desejando a sabedoria da vida da
semente, este é seu bem querer.
Sua mãe é artesã de bonecas aromáticas e Deusa trama bonecas
de mato com olhos de sementes. A menina sempre percebeu as sementes como
olhos. Sementes e olhos armazenam os registros da vida.
Um vento de fim de tarde… uma boneca tramada… feijões
brotados… uma fabulosa ideia. Dar vida, germinar os olhos girassóis de
Semente Viva. Boneca e menina são como uma só. Sementes lançadas ao tempo,
pensamento… que cresce o broto d”alma menina…
Ao raiar de seus olhos, Semente Viva contempla e registra
sua menina, os anseios de sua alma. Deusa e Semente Viva brilham como sol
e criam a vida da manhã.
É a água, fonte da vida que os oferece a inusitada aventura
de vivenciar a sensível vida vegetal. Quando as mãos úmidas das crianças
tocam o vegetal, este lhes revela um registro de sua história. Como a vida
girassol nos olhos de semente Viva, o antes e o depois de ser semente, o
eterno amor ao sol… Uma abelha a visitar a roseira branca, carícias de
gratidão… Despencar junto ao coco da Bahia… Viajar na eterna alegria de
ser gergelim…
O tempo foi generoso, mas Semente Viva pede para ser
plantada, enraizar-se e ser girassol . Deusa e seu irmão Gabriel plantam
uma ciranda de bonecos com olhos germinados.
Deusa agradece a ventura de sua lenda, recitando o poema
HUM-MANO.

Luciene Prado (autora)

[link_popup id=’2388′ link_text=’Click to open popup’ name=’Brinde’]

​Read More