• Home
  • Blog
  • Salvador – Terra dos sabores e cores

Salvador – Terra dos sabores e cores

0 comments

Que o senhor do Bonfin abençõe os Baianos, pois aqui é o paraiso dos sabores!

Hoje nosso primeiro dia de Brasil e pelo visto caí na terra certa.

Gostaria de anunciar nosso guia virtual do turismo ecológico

Depois de muitas pessoas perguntando onde comprar, onde encontrar produtos vivos e também para solucionar o problema de que algumas pessoas não estavam encontrando os produtos que usamos em nossos livros de receitas, vamos personalizar para cada região. Sempre que visitarmos um novo lugar vamos criar uma lista personalizada dos:

1) Mercados onde encontrar produtos locais
2) Ingredientes locais
3) Restaurantes vegetarianos
4) Lojas de produtos naturais
5) Produtores locais e orgânicos quanto existir
6) Imitação de pratos regionais na versão viva.

Nossa primeira parada: SALVADOR

1) Mercados onde encontrar produtos locais

Mercado São Joaquin

Um local extraordinário para encontrar muitos produtos locais, orgânicos, frescos e de produção local.


2) Ingredientes locais
Ervas medicinais dos orixas na alimentação ecológica


Obs:
Não usamos ervas medicinais por terem supostamente poderes medicinais, mas simplesmente por ser um alimento, fresco, orgânico, local e repleto de energia vital e de baixo custo e de grande quantidade de nutrientes por serem selvagens.

Porém existe risco, leia o artigo abaixo com atenção antes de usá-las.

Próximas dicas (apenas para quem adquiriu nossos livros de receitas)
Pessoas que adiquiriam nossos livros de receitas irão receber como material de atualização:


1)   Biri-biri
2)   Tamarino
3)   Jaca de Pobre
4)   Anís
5)   Sementes de erva doce
6) Tapioca viva
7)   Barra de cereais para:
-Desportistas

-Pessoas que estão viajando
-Pessoas que não querem perder peso com um menu ecológico
-Pessoas que estão buscando uma doses extras de proteína

8)   Canela
9)   Azeite de coco e azeite de dendê
10)   Pimentas
11)  Alpiste

Uso de Ervas “medicionais” na culinária ecológica

O grande problemas de usar uma erva medicional na forma viva é você usa a planta toda, no chá somente de 0,3% a 1%

A vatagem é que os alcalóides estão diluídos por se usarem cozidas, a desvantagem é que os nutrientes são muito menos por estarem oxidados pelo o calor. No caso de cosumirem em sucos, saladas, molhos você usa 99% e sua diluição deverá ocorrer para evitar o risco de intoxicação. A diluição será feita consumindo a erva que previamente já está testada e confirmada que não é tóxica, será misturada com outros ingredientes, amenizando o gosto e os efeitos de uma possível alergia.

A grande vantagem das barraquinhas de ervas medicinais é que você pode tirar uma grande preocupação se a erva é coméstivel ou não. Claro que você não deveria confiar 100% pois o feirantes podem estar vendendo gato por lebre, ou seja vendendo qualquer mato como planta medicinal. Outro fator importante é que mesmo que seja comestiível você deveria seguir os conselhos abaixo afim de evitar problemas.

Cuidados que deve ter ao provar uma nova erva:

Nunca usar em um suco pela primeira vez. Pois se ela for tóxica ou se você é alérgico a intoxicação será mais intensa.

A) Coloque em uma parte do seu corpo onde não tem pêlo. Ex: Lado de dentro do braço, oposto do cotovelo ou pescoço.

Ficou vermelho?

Sim: não use
Não: Passo B

B) Mastique um pedacinho

Tem gosto amargo? Sua ligua está cossando? Inflamou ou ficou vermelha?

Sim: não use
Não: Passo C

C) Mastique um pouco mais e coloque debaixo da língua.

Tem gosto amargo? Sua ligua está cossando? Inflamou ou ficou vermelha?

Sim: não use
Não: Passo D

D) Use em uma salada, muito pouca quantidade, muito pouco mesmo, aumente a quantidade gradativamente

Atenção somente faça o passo D) com alguém mais em casa que tenha um carro. Você pode ter que ir a um pronto socorro.

Garganta fechou? Teve náuseas? Teve diarréia?

Sim: não use (se a garganta fechou procure um centro médico urgente.)
Não: Passo D

D) Use no suco verde muito pouca quantidade, muito pouco mesmo, aumente a quantidade gradativamente

Garganta fechou? Teve náuseas? Teve diarréia?

Sim: não use
Não: Passo E

E) Use no suco de luz muito pouca quantidade, muito pouco mesmo, aumente a quantidade gradativamente

Garganta fechou? Teve nauseas? Teve diarréia?

Sim: não use
Não: Esta planta não é alérgica ou tóxica.

Fruta Cacau (será melhor detalhada na lista de atulização de nossos livros, com tabelas nutricionais e uma análise completa dos benefícios e mais 20 receitas)

Como fazer um chocolate vivo?

Opção 1

1º Compre 10 frutas de cacau frescas (R$2,00) me vendeu por R$1,00 cada.

2º Coma toda a polpa que é uma delícia sem morder a semente que é muito amarga e está cheia de alcalóides. Pode provar mas NÃO COMA COMO SE FOSSE CHOCOLATE.

3º Coloque para secar em uma peneira de palha em um lugar ensolarado pelas manhã mas com sobra pela tarde, deixe secar completamente por 30 dias (não deixe cair água, se chover lembre de tirar e deixar em um lugar protegido)

Quando cheguei em BH estava chovendo e era um apartamento, sendo assim usei o forno, no mínimo possível e com a porta aberta, desliguei quando ficou muito quente e voltei a ligar depois de algumas horas, repeti o processo umas 3 vezes e ficaram perfeitamente secas.

É muito importante que assim que vc tire a polpa, seque as sementes, caso contrário irão estragar.

4º Ao secar coloque em um copo de água por 8h, depois deixe escorrendo por 4h.

5º Tire a pele das sementes e use para fazer chá

6º Liquidifique com 2 copos de água e 2-4 bananas.

7º Coe se achar que a textura não lhe agrada.

8º Coloque uma colher de mel de chá para ficar mais doce. (não necessário)

A semente de cacau é o alimento com a maior quantidade de antioxidante do mundo.

Opção 2

Compre a semente já seca, (pode ser que não está crua), mas arrisque, vê se germina.
Se germinar repete o 5º passo.

3) Restaurantes vegetarianos de Salvador
Healthy Valley Brasil

Proprietário: Johnny
End: Rua Direita da Piedade nº 17
Centro
71-3329-2211

Referêcia: Praça Piedade.

Restaurante exelente com sementes germinadas e folhas frescas de rúcula radiantes

Salada que fiz:

1 Punhado de rúcula
1 punhado de alface crespa
1 colher de servir de feijão verde germinado (germinado no tempo perfeito)
6 uvas
3 gomos de mexirica
1 colher grande de vinagrete de repolho rojo, cebola vermelha, pimentão verde.

Nada de sal, nada de azeite.

Obs 1: No menu ecológico não usamos o pimentão verde por não estar maduro ou seja ele é indigesto.

Obs 2: Não usamos o azeite ou tentamos evitar ao máximo, nosso fígado não está apto a digerir azeite .

4) Lojas de produtos naturais
A mesma do restaurante

Produtos:

Linhaça marron e dourada

Feijão verde para germinar

Semente de girassol crua para germinar ( O proprietário comentou que as sementes eram cruas pelo fato de que a torrada quase não vendia (viva a comida viva)).

Trigo está pedido, deverá chegar dentro de pouco.

Tâmara

Castanha do pará

Castanha de cajú (torrefação caseira)

Semente de abóbora (com casca e com sal uma pena) Ótima fonte de proteínas.

Shoyo sem açúcar e sem glúten, super difícil de encontrar.


5) Produtores locais e orgânicos quanto existir

Não realizamos nenhum contato.

6) Imitação de pratos regionais na versão viva.

Mingau de milho
Impossível usar o milho. Os cereais não são digestíveis pelo humano mesmo na forma germinada. Acho que vai ficar legal com milho verde. Já fiz uma sopa com milho verde, manteiga de amêndoa que ficou ótima acho que se aproximou mioto da textura..

Mingau de tabioca
Descobri que a tapioca se pode se encontrar viva e nem precisa cozinhar, acho que este será o mais fácil de conseguir a textura e sabor parecidos.

Uma exelente fonte de energia e perfeita para quem não quer perder peso nesta dieta ou para desportistas.

Compartilhar:
Share

Quem organiza este Blog?

Daniel Francisco de Assis


{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}
>

O que mais pode ser feito além do isolamento social?

100% gratuito